INVESTIMENTOS PARA IMPLANTAÇÃO DE SISTEMA BEM-ESTAR ANIMAL EM BOVINO DE RECRIA-ENGORDA A PASTO E CONFINADO

Autores

  • Adriana Cioato Ferrazza Universidade Federal do Rio Grande do Sul - UFRGS
  • Givanildo Borsato Batista Universidade Federal do Rio Grande do Sul - UFRGS

Palavras-chave:

Viabilidade financeira, Gestão da produção, Decisão de investimento, Modelo cinco liberdades, Certificação

Resumo

O bem-estar animal tem o propósito de determinar as melhores práticas de manejo, com respeito às necessidades naturais do animal, e a certificação para bem-estar animal é uma forma de comunicar ao consumidor com credibilidade, consequentemente, agregar valor ao produto, associado a Willingness-to-pay, que consiste na disposição do consumidor a pagar um diferencial, além de atender às metas de sustentabilidade. A transição para o sistema de bem-estar animal envolve as adequações de estrutura da propriedade e alterações no manejo consonantemente associadas a investimentos financeiros. Os objetivos específicos deste trabalho são: (i) identificar as adaptações dos sistemas produtivos de bovino recria-engorda a pasto e confinado para obter a certificação de bem-estar animal no modelo cinco domínios e (ii) quantificar os investimentos financeiros necessários para a adaptação dos sistemas de produção. Utilizou-se o método de estudo de caso exploratório e descritivo, com estratégias de pesquisa de campo, observação qualitativa e análise documental. Os investimentos das adequações foram classificados pelo método custeio por observação proporcional a cada animal produzido. Como resultado deste estudo de caso, no manejo a pasto, cada bovino certificado com bem-estar animal tem um investimento incremental de 4,16%, sendo os investimentos mais altos decorrentes da mão de obra e encargos sociais. Para o confinamento, o investimento incremental foi estimado em 9,48% por bovino e decorrente das adaptações da infraestrutura. A dimensão dos investimentos permite ao agricultor avaliar a possibilidade de explorar um nicho de mercado diferenciado.

Biografia do Autor

Adriana Cioato Ferrazza, Universidade Federal do Rio Grande do Sul - UFRGS

Gestora financeira, Mestre em gestão da Inovação e Doutoranda em Agronegócios - UFRGS. 

Givanildo Borsato Batista, Universidade Federal do Rio Grande do Sul - UFRGS

Administrador e Mestrando em Agronegócios pela UFRGS. 

Downloads

Publicado

2023-07-14

Como Citar

FERRAZZA, A. C.; BATISTA, G. B. INVESTIMENTOS PARA IMPLANTAÇÃO DE SISTEMA BEM-ESTAR ANIMAL EM BOVINO DE RECRIA-ENGORDA A PASTO E CONFINADO. Organizações Rurais & Agroindustriais, [S. l.], v. 25, p. e1930, 2023. Disponível em: https://www.revista.dae.ufla.br/index.php/ora/article/view/1930. Acesso em: 29 maio. 2024.

Edição

Seção

Sistemas agroindustriais e sustentabilidade