CADEIAS PRODUTIVAS PARA AGRICULTURA FAMILIAR

Autores

  • John Wilkinson UFRRJ/RJ

Palavras-chave:

Produção familiar, reconversão, inovação

Resumo

O objetivo desta palestra é avaliar o contexto atual, as perspectivas e os desafios para as estratégias agroindustriais por parte da produção familiar no Brasil. Nos anos 1990, há vários estudos que indicam que a agroindústria está optando pela vinculação com produtores capazes de se especializar em algumas atividades e com economias de escala que ultrapassam os limites da produção familiar. Nesta conjuntura, há exemplos, em toda parte do país, da necessidade de elaborar estratégias autônomas de agroindustrialização, de agregação de valor e de inserção dinâmica nos mercados. Na seqüência, são analisados alguns processos de reconversão da produção familiar em face desta conjuntura. Nos processos de reconversão espontânea é analisado o caso do leite; nos de reconversão promovida por ONGs ou pelo setor público, são identificados dois tipos: a) a promoção de economias de escala como os condomínios de suínos e do leite e as experiências coletivas nos assentamentos; b) a verticalização da produção valorizando os aspectos artesanais ou visando nichos específicos. Concluindo, o autor afirmando que a idéia de fracasso é um componente intrínseco da inovação, deixa o desafio de construir-se um quadro institucional favorável à inovação, que dê condições à produção familiar de criar novas formas organizacionais para alcançar uma articulação dinâmica com os mercados.

Downloads

Publicado

2011-04-18

Como Citar

WILKINSON, J. CADEIAS PRODUTIVAS PARA AGRICULTURA FAMILIAR. Organizações Rurais & Agroindustriais, [S. l.], v. 1, n. 1, 2011. Disponível em: https://www.revista.dae.ufla.br/index.php/ora/article/view/299. Acesso em: 24 jul. 2024.

Edição

Seção

Artigos