EMPRESÁRIOS E TERRITÓRIOS NA HORTICULTURA DO MÉXICO: UM ESTUDO DE CASO EM SAYULA, JALISCO

Autores

  • Alejandro Macías Macías Centro Universitario del Sur

Palavras-chave:

Hortaliças, área, impactos, México

Resumo

A produção de frutas e hortaliças converteu-se em uma atividade econômica importante para muitas áreas mexicanas devido às vantagens comparativas que esse país apresenta principalmente no mercado do período de inverno dos Estados Unidos. Entretanto, esse tipo de produção geralmente é feita por grandes empresas não locais, as quais percebem as áreas de produção como zonas de conjuntura agrícola, isso é, como áreas que podem oferecer benefícios de curto prazo, mas sem que as empresas se encarreguem dos mesmos a longo prazo. Igualmente, com o tempo incorporam-se alguns atores locais que percebem a área de maneira distinta. Da predominância de um tipo ou outro de percepção dependem os efeitos na vida econômica, social e ambiental local desta atividade, tanto no seu período de duração quanto posterior a ele. Esta é a analise no município de Sayulla, no ocidente do México, onde a produção de tomate e depois de brócolis e outras hortaliças foram importantes no período entre 1985 a 2005.

Downloads

Publicado

2013-08-13

Como Citar

MACÍAS, A. M. EMPRESÁRIOS E TERRITÓRIOS NA HORTICULTURA DO MÉXICO: UM ESTUDO DE CASO EM SAYULA, JALISCO. Organizações Rurais & Agroindustriais, [S. l.], v. 15, n. 1, 2013. Disponível em: http://www.revista.dae.ufla.br/index.php/ora/article/view/649. Acesso em: 5 fev. 2023.

Edição

Seção

Artigos